terça-feira, 22 de março de 2011

DIÁRIO de Sebastião da Gama: a sorte que eu tive!

 
Em Setúbal, em 26 de Março – Apresentação da nova edição do “Diário” (Editorial Presença), de Sebastião da Gama, por Clara Rocha, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Setúbal, pelas 18h30.
Pois foi mesmo uma grande sorte e esta é uma boa ocasião para lhes agradecer, aos alunos de Sebastião da Gama, gente mais ou menos da minha idade. Espero não faltar e espero que não faltem à apresentação desta nova edição de o «seu» Diário. Que não faltemos nem eu nem eles nem quem se apercebe da importância deste início de uma nova etapa da divulgação da obra e do testemunho de Sebastião da Gama.

Eles os alunos, tiveram a sorte de terem Sebastião da Gama como professor e eu a de ler com eles e neles o Diário.
«
E neles», um grande número deles, muitos dos nomeados nos cadernos do seu professor.
É isso: «e neles»!
De Setúbal, de Lisboa, de Estremoz.
Mesmo que, porventura,  alguns já não se lembrem do que veio aos nossos encontros de há 25 anos, lembro-me eu, porque a lição foi muito impressionante.

Boas recordações de professores, muita estima, admiração, gratidão, direi mesmo que veneração, sempre encontrei, felizmente, ao longo da vida, toda ela vivida muito perto da escola ou a ser ainda frequentada ou já somente a ser lembrada. Mas um caso como este, dos alunos de Sebastião da Gama!?

Ler o Diário assim, como me foi possível ler, é mesmo uma «sorte-grande»! Só quem não acompanhou Sebastião da Gama pela leitura deste seu Diário de professor estagiário ou o leu mas não teve oportunidade de conviver com os que foram seus alunos é que não alcançará o que a mim mesmo vim dizer : «a sorte que eu tive»!

Gostava, sinceramente, de, no próximo sábado, reencontrar alunos de Sebastião da Gama tais como o Nicolau e o Rogério, de Setúbal, o Gabriel e o Ludovico, de Lisboa, o Deodato e a Laura, estes últimos de Estremoz, e, também de lá, o Armando Alves, com quem até agora apenas por telefone falei, e outros e mais outros e muitos outros.
É que o Diário é também um avançadíssimo manual de Pedagogia. Sem dúvida!  Antes, porém, e acima e por isso e para isso, é um testemunho do con-viver de um professor com os seus alunos a quem, por essa convivência,   marcou um rumo de elevada dignidade para toda a vida.
L. V.

olha a publicidade
http://irmaolucia.blogs.sapo.pt/2041219.html

CÁ ESTAMOS!
Contagem decrescente

2
22 de Março FALTAM 5 dias


Contagem crescente
QUEM JÁ ABRIU O BLOGUE E PASSOU A MENSAGEM?

http://encontrolivreiro.blogspot.com/
DE ONTEM PARA HOJE
3 a 18+19+20+21de Março MAIS 640+59+42+52 visitas

Sem comentários:

Enviar um comentário