quinta-feira, 28 de abril de 2011

A 81.ª

Começou hoje, toda a gente sabe, a Feira do Livro de Lisboa deste ano de 2011.
Não consegui saber o suficiente sobre o que este ano se disse na inauguração. Tenho sempre curiosidade e até sinto que é meu dever dar atenção aos discursos inaugurais.

Já que nada consegui ouvir nem ainda li nada, também não deixarei aqui nenhum comentário sobre «o grande acontecimento livreiro português do ano».
Todos lá, para não perderem as…! 
Parabéns a quem lá encontra, só lá, o que durante o ano não encontra em parte nenhuma, que não encontra mesmo! Etc..

Uma pergunta, somente, e depois se verá.:
- O que significaram e o que significam as Feiras do Livro da Apel (não esquecer: são oitenta e um anos de influência!) para o desenvolvimento do comércio livreiro e para o desenvolvimento da leitura no Portugal que somos?
L. V.

Sem comentários:

Enviar um comentário