quarta-feira, 12 de outubro de 2011

«A Revolta da Fonte»: BOM TÍTULO PARA LEVAR LONGE UMA LONGA DISCUSSÃO

Prévia nota:
Não chega a ser carta, pois não chega a tocar nos assuntos. Apenas um breve cartão aberto.

Nosso amigo Luís Guerra,
não me custa acreditar na verdade deste meu sentimento que bem podia confirmar sem aqui vir, mas que prefiro me confirme depois: está à espera de que entre no nosso encontrolivreiro  em correspondência ao seu desafio formulado a mestre: «E ISTO FICA ASSIM?».
Como já tive ocasião de lhe dizer, lembra-se?, «estes não são exactamente os meus dias» ( Papel a Mais, p.111).
«Posto isto»,
peço-lhe que nunca pense que não continuo na nossa caravela. Mesmo que não chegue à Índia, direi daqui, a quem me quer morto, que prefiro a morte à Bartolomeu Dias. Não desembarco! «A vida no mar é boa» e quando..., aí então é só ir com âncora até ao fundo.   
Continuo, pois. Mas, agora, já os meus ritmos vão neste respeito por minha longa viagem.
Recordo um dos momentos de convivência com escritores que mais me impressionou.
Na Gulbenkian, um dos primeiros Encontros de Literatura Infantil, conversa com Adolfo Simões Müller, 92 anos,  sobre o seu projecto dos Rios de Portugal de que se publicaram Tejo e Douro – preciosidades que, presentemente…
Entusiasmo de encantar! Aquele sorriso, a vivacidade daqueles olhos, aquela cabeça de cabelo branco muito branco. A cabeça que, em vindo ao olhar uma lúcida tristeza, se inclina sobre o lado esquerdo, enquanto estas palavras ouço: «mas agora já só consigo trabalhar duas horas por dia e mesmo assim é com a ajuda da sobrinha de Mons. Moreira das Neves…».
Para quando me chegasse a mesma tristeza, guardei aquele olhar paciente e sereno.
L. V.

P. S.
E para quando a oportunidade me chegar em uma sobr(az)inha de conforto, vou guardando apontamentos. Por exemplo:
1
http://encontrolivreiro.blogspot.com/A revolta da Fonte

E não haverá por aí mais casos como este?
E ISTO FICA ASSIM?
2
http://livrariapodoslivros.blogspot.com/2011/10/salvemos-o-lince-e-serra-da-malcata.html
- Avô, o que é uma livraria?

Um texto do livreiro Jaime Bulhosa
3
E mais?
Muito mais!


http://cadeiraovoltaire.wordpress.com/2011/10/12/grandes-e-pequenos-parte-ii/

http://adasartes.blogspot.com/2011/10/livreiro-ressabiado.html

E isto é mesmo sem querer por agora ir a outros vizinhos que não vieram ao nosso blogue encontrolivreiro, pois não pode chegar p'ra tudo, como é evidente.
L. V.

Sem comentários:

Enviar um comentário