terça-feira, 26 de junho de 2012

CONCORDÂNCIAS

Couves de um Alentejo na manhã de 26 de Junho de 2012

Fotos de OLEGÁRIO PAZ a pedido

clip_image002 

NEM O BICO SE PARTE

NEM A COUVE SE QUEIXA

 

clip_image004

 

galinha em debico na folha de couve

e tu debicando as letras inscritas

pelas nuvens da noite em palavras de pedra

 

se as disser ou não disser as palavras

nem o bico se parte nem a couve se queixa

porque é preciso que a morte nos prove que a vida em comum é

comum só no menos

o mais fica sempre no imenso não ser ao qual se conquista

 

o pouco-mais-que-zero

que se pode alcançar

 

R.V.

Sem comentários:

Enviar um comentário