domingo, 28 de abril de 2013

EM RISCOS DE VEZ

BÚSIO
MAR
E LIBERDADEse antes ouviste a liberdade proclamada e depois proclamar o fim do sonho de a termos alcançado

ouve o mar no búsio que guardaste das viagens da tua vida navegante

e crê no que escutares antes que o mar e a tua alma sequem

ninguém volta a semear em terra mar ou sua própria alma por seca definitiva já feridos

ainda sangue cobrindo as superfícies mas agora já somente a lama esquartejada de um antigo rio de esperanças vivas

R. V.

Sem comentários:

Enviar um comentário